Sortelha, um lugar (ainda) por descobrir

Não sabíamos bem o que esperar quando decidimos visitar Sortelha. Na realidade, tentámos não pesquisar ou procurar muitas informações sobre este local além das estritamente necessárias que nos servissem se guia para o dia que lá iríamos passar e foi sem sombra de dúvida o que de melhor fizemos.

Sortelha, encontra-se localizada no distrito da Guarda, a cerca de 750 m de altura e é uma aldeia feita de casas de pedra que parecem ser retiradas de livros de histórias de encantar como aquelas com que sonhávamos quando eramos crianças. Encontra-se inserida na rota das Aldeias Históricas de Portugal.

Chegámos cedo a Sortelha, depois de uma maravilhosa noite na Casa de Nossa Senhora do Carmo em Teixoso onde fomos muito bem recebidos pelos nossos queridos anfitriões. Estacionámos o carro fora das muralhas junto à Porta da Vila e rapidamente parimos à descoberta desta vila mágica.

São 4 as Portas que dão acesso ao interior das muralhas. A Porta da Vila, a Porta Nova, a Porta do Castelo e a Porta Falsa. Recomendamos uma visita a todas elas, uma vez que têm características muito distintas tendo em conta que foram edificadas em alturas diferentes.

Assim que atravessámos a Porta da Vila entrámos diretamente na Praça da Vila e logo aqui ficámos rendidos a este distinto local. As casas que envolvem a vila estão muito bem conservadas, muitas recuperadas com dinheiro dos emigrantes que ajudaram a manter a sua vila preservada, e parece que voltámos atrás no tempo até à idade média e que estávamos a viver no tempo de reis e senhores.

Há muito para ver em Sortelha, e será certamente especial para aqueles que gostam de história, que se interessam por arquitetura e por tesouros escondidos ao virar de cada esquina.

Miúdos e graúdos vão adorar subir e descer pelas ruas de pedra, sentar-se à sombra de uma árvore, admirar a paisagem imaculada que envolve a vila e perder-se em tudo o que Sortelha tem para oferecer. A magia está nos detalhes e qualquer cantinho tem um interesse incalculável e por isso deixamo-vos aqui algumas sugestões de locais a ter em atenção.

Este artigo foi escrito ao abrigo da iniciativa #EuFicoEmPortugal da Associação de Bloggers de Viagem Portugueses e contou com o Apoio do Turismo do Centro de Portugal e da Casa de Nossa Sra. do Carmo.

Seguir:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *